Tubarão MC e Teaga se classificam para a final nacional de uma das principais batalhas de rima do Brasil


Na última quarta-feira (6), São Paulo sediou uma das seleções regionais para a terceira edição do Red Bull Francamente, uma das principais batalhas de rima do Brasil. Com batalhas ferozes marcadas por muita improvisação e criatividade, tubarão MC representou São Vicente (SP) e conquistou o lugar mais alto do pódio, seguido por São Paulo chá, que alcançou o segundo lugar. Ambos garantiram uma vaga no Final Nacional do evento, que acontece no dia 30 de abril, também em São Paulo.

Nome conhecido na cena de batalha, tubarão MC teve seu primeiro encontro com o rap há 7 anos, em uma batalha de rimas entre times de futebol. Hoje, além de ser seu estilo de música favorito, o rap também é sua carreira. “Lembro-me de quando comecei a fazer rap, eu tinha muitas pessoas como inspiração. Agora são as pessoas que vêm até mim e dizem que sou a inspiração delas. Então é aquela frase: de tanto citar referências, você acaba se tornando um“, ele diz.

chá conta que o rap sempre esteve presente em sua vida, ainda que subliminarmente tocando nas caixas de som das ruas onde cresceu, na Zona Leste da capital paulista. O artista já levou até o hip-hop para empresas multinacionais por meio de publicidade e sonha em estar entre os melhores rimadores do Brasil: “Sempre fui um sonhador, mas o Hip-Hop me apresentou a perspectiva de que é possível realizar sonhos ao invés de apenas sonhar. Cada passo da minha trajetória serve como um impulso que me aproxima de um novo objetivo”.

Em sua terceira edição, o evento começou em Salvador e também passará por outras localidades além de São Paulo, como Fortaleza, Porto Alegre e Belo Horizonte. Além disso, a capital paulista também sediará a final nacional, que acontecerá no dia 30 de abril, no Parque do Ibirapuera. O torneio é inspirado e considerado a versão em português de uma das maiores competições de rap do mundo, a Batalha Red Bullque já conta com 15 edições históricas e um público engajado que somou 17 mil inscritos em um único ano.

Comentários Facebook