Gog lança campanha de financiamento coletivo

Mum-Ra-High-Tech
Gog lança campanha de financiamento coletivo
Avalie este post

GOG, o poeta do Rap Nacional, lança campanha de financiamento coletivo para lançamento de disco MUMM-RÁ HIGH TECH.

Os tempos mudaram. De “Peso Pesado”, debut datado de 1992, até “Genival Oliveira Gonçalves”, de 2015, GOG, um dos maiores personagens da cena hip-hop do Brasil, não acomodou suas produções nas fórmulas básicas do RAP. Contudo, sempre manteve em sua arte a funcionalidade que considera a mais virtuosa: ser uma ferramenta de denúncia, de conscientização e valorização das populações periféricas. Em ‘Mumm -Ra High Tech’, seu 11º disco, o rapper segue fiel à sua trajetória, agora sob uma roupagem que mescla beats eletrônicos com batidas contemporâneas. A concepção literária e imagética do álbum dará origem a um novo show, que será dirigido por Carlos Laredo, e haverá videoclipes para todas as faixas do LP.

Para ajudar o poeta a lançar o CD, o show e os videoclipes, o público pode fazer doações em uma campanha de financiamento coletivo lançada na plataforma Kickante. O link da campanha é https://www.kickante.com.br/gog.

O processo de arrecadação, sob o modelo crowdfunding, alia ‘recompensas’ às contribuições arrecadadas, que são classificadas a partir de valores pré-definidos. O lance mínimo, que dá direito ao envio de link para download do álbum no e-mail dos participantes, é de R$10. Com R$40 o parceiro da campanha leva, além do material digital, ainda ganha uma cópia física em CD. Ainda é possível escolher modalidades, com recompensas proporcionais, de R$100, R$180, R$220, R$250, R$400 e R$500.

Algumas das amostras do novo repertório de “Mumm-Rá High Tech” podem ser conferidos por meio do canal do Youtube do artista (http://migre.me/woIrI). As faixas “Escrevo Demais”, “Control S dor”, “Sopa” e “Universo Gueto” já ganharam videoclipes, sendo este último material recém-lançado com imagens produzidas na periferia do Distrito Federal, na comunidade Santa Luzia, encravada no coração da Cidade Estrutural, a alguns quilômetros do Centro das decisões da Capital Federal e a poucos metros do famoso lixão da Cidade Estrutural.

SERVIÇO (CROWDFUNDING)

Modalidades:
R$ 10 download do álbum no seu e-mail (23/08/2017) (ILIMITADO)
R$ 40 download + CD entregue na sua casa (15/09/2017) (1000 unidades disponíveis)
R$ 100 anterior + Camiseta entregues na sua casa (15/09/2017) (1000 unidades disponíveis)
R$ 180 anterior + Vinil Mumm-Rá High Tech (20/01/2018) (300 unidades disponíveis)
R$ 220 anterior + ingresso show de lançamento SP/ DF (15/11/2017) (200 unidades disponíveis)
R$ 250 Anterior (R$220) + par de ingressos (15/11/2017) (100)
R$ 400 Anterior (R$250) + Seu nome nos agradecimentos do telão durante o show (15/11/2017) (100)
R$ 500 Anterior (R$400) + seu logo nos agradecimentos do telão durante o show (15/11/2017) (20)

SOBRE GOG

O Poeta do rap Nacional, em seus quase trinta anos de carreira, sempre defendeu a produção independente no hip  hop. Inicialmente era B-boy. Sempre politizado. Militante incansável das “causas e das canções” que o comovem.  Primeiro cantor de rap nacional a abrir o seu próprio selo e, por ele, produziu e lançou ótimos trabalhos seus e de outros importantes grupos do Distrito Federal e Entorno. Para além do compromisso social, o compromisso com seu trabalho artístico e com os artistas que colocou no mercado, GOG tem um currículo extenso de estrada, com dez discos lançados e diversos prêmios. Aos cinquenta e dois anos tem a mente mais oxigenada e futurista que a de muitos MCs em início de carreira. Um dos resultados da maturidade do ritmo e poesia de Genival Oliveira Gonçalves é o DVD Cartão Postal Bomba, gravado com a banda MPB-Black, com participações especiais do rap, além de artistas consagrados da Música Popular Brasileira, como Paulo Diniz, Lenine, Maria Rita e Gerson King Combo. Em 2010, mostrou mais resultados de sucesso como, por exemplo, o lançamento do livro “A Rima Denuncia”, onde conta, além da sua história de artista e militante, importantes marcos da cultura hip hop e algumas composições ainda inéditas. Seu mais novo show, Iso 9000 do Gueto, é uma roupagem artística e ritmada do que ele vem desenhando enquanto projeto artístico e político para a formação da juventude periférica, sobretudo a grande parcela de jovens negros que vivem nas periferias. O show traz músicas inéditas como “Heróis e Heroínas”, “Iso 9000 do Gueto”, “África Tática”, entre outras, além de intervenções poéticas e audiovisuais, reverenciando mestres e mestras negras(os) do Brasil.

Deixe uma resposta