Estado Elevado de Consciência lança nova versão do Som Desabafo

Rap com voz e violão faz do Estado Elevado de Consciência um estilo único e autêntico.

Estado Elevado de Consciência

Para aqueles que acham que não dá pra fazer Rap somente com voz e violão, Renato Tupã criou o Estado Elevado de Consciência, mostrando que é possível transmitir sua mensagem mandando uma sonzeira de qualidade, sem utilizar bases, batidas e nem sequer toca-discos, elevando o “ritmo e a poesia” a um outro patamar.

Rap-canção é o resultado de um processo de composição onde a letra, a harmonia e a melodia, nascem juntas. Renato Tupã, batizou assim suas composições, devido ao modo intimista e tradicional de compor, utilizando voz e violão, e ao seu estilo próprio de tocar tal instrumento, em que o mesmo mescla uma linha de baixo simbolizando o grave tradicional do rap, unido a uma batida totalmente percussiva, junto com harmonia. Por não contar com a presença de um dj (elemento fundamental para que uma canção seja considerada rap) no processo composicional, o cancionista, uniu o termo canção ao rap, para justamente diferenciar e denominar que seu estilo, apesar de ser cultivado e inspirado na trilha sonora do movimento hip-hop, não é o rap propriamente dito (Mc e Dj).

Ouça aqui a nova versão recém criada da música Desabafo (cuja versão original é de 2003), para celebrar o momento especial na vida do músico que acaba de se tornar pai pela primeira vez.

O Áudio e imagem deste vídeo foram gravadas na Fábrica de Cultura do Capão Redondo com a produção de Tony Aúz.

Conheça o álbum “rap-canção” do EEC:

ESTADO ELEVADO DE CONSCIÊNCIA é o projeto musical/autoral do cancionista e pedagogo RENATO TUPÃ, onde através do seu “rap-canção”, transmite seus valores e princípios de educador e de ser humano, num contexto artístico/musical.

Curtiu o som do nosso mano Renato Tupã? Então divulgue, compartilhe e ajude a fortalecer o Rap Nacional.

Comentários Facebook

Deixe um comentário